Atacante Willyam Martins fala sobre retorno: “Expectativa é muito grande”

Atleta está afastado dos gramados por lesão no tendão adutor

0

O atacante Willyam Martins foi afastado a quase um ano dos gramados por uma lesão no tendão adutor. O jogador que sofreu a lesão durante um treinamento nas suas férias no ano passado fala da sua recuperação e expectativas de retornar a jogar e sobre seus projetos para o futuro.

O jogador que, foi lesionado três dias antes de se apresentar ao novo clube afirma que um dos processos dificultou sua recuperação. “Foi um processo muito difícil, comecei com o PRP (plasma rico em plaqueta) sendo aplicado na minha lesão, para acelerar o processo, porém acredito que dificultou mais. Então comece a fisioterapia, onde foram sete meses de reabilitação e fortalecimento muscular e com ajuda de profissionais capacitados consegui superar isso” – diz ele, que também acrescenta que sua família e amigos foi um fator importante no seu período de recuperação. “Primeiramente Deus, minha família e meus amigos me deram muitas forças para lutar, eles foram importantíssimos”.

Sobre seu retorno aos gramados o atleta de 26 anos enfatiza que são grandes as expectativas e que vem recebendo algumas propostas, inclusive de clubes internacionais. “A expectativa é muito grande, pois faz nove meses que não atuo e venho lutando contra essa lesão. Atualmente estou parado, me recuperando, mas venho recebendo algumas propostas para jogar fora do Brasil, só que no momento as fronteiras estão fechadas, ainda mais o Brasil sendo o epicentro da pandemia, então estou aguardando tudo normalizar” – afirma o jogador.

Prestes a acertar com um grande clube, Willyam viu seu sonho de retornar ao futebol adiado devido à pandemia do covid-19 que o mundo vem enfrentando, mas aproveita esse período de isolamento social para estar cada dia melhor. “Eu estava próximo de acertar alguma coisa, e logo veio a pandemia. Então pensei, posso me preparar mais, e, é o que tenho feito, me preparando para estar bem quando tudo isso passar” – concluí o atacante.

O último time em que o jogador atuou foi o G.D. Peniche de Portugal, mas ele não esconde sua admiração pelo clube Chapecoense e ressalta quem são suas grandes inspirações. “Gosto muito da chapecoense, foi um clube que fui muito feliz, tive uma história bacana com o clube e a cidade que me formou como atleta e homem, e como profissional tenho duas grandes inspirações, uma é meu pai, meu super herói e outra é o Bruno Rangel, um grande amigo que o futebol me deu, que acabou falecendo no acidente aéreo da chapecoense” – finaliza Willyam Martins.

Willyam Martins / Foto: Divulgação
Willyam Martins / Foto: Divulgação
Willyam Martins / Foto: Divulgação

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.